Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IFPA Campus Castanhal aprova projeto junto a CAPES

  • Publicado: Quinta, 03 de Setembro de 2020, 17h07
  • Última atualização em Quinta, 03 de Setembro de 2020, 17h11
  • Acessos: 215

Sessenta e quatro propostas foram aprovadas no resultado preliminar do Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) na Amazônia Legal da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), divulgado no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 02. Oitenta projetos foram apresentados à seleção, regida pelo Edital nº 13/2020.

Entre os projetos selecionados, está o projeto apresentado pelo IFPA, intitulado IFPA - Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG – Amazônia Legal), tendo como proponente a Profa. Dra. Ana Paula Palheta Santana da PROPPG/IFPA e a coordenação da Profa. Dra. Maria Regina Sarkis Peixoto Joele e Profa. Dra. Roberta de Fátima Rodrigues Coelho do PPDRGEA/IFPA Campus Castanhal.

O projeto tem a finalidade de promover a consolidação do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural e Gestão de Empreendimentos Agroalimentares (PPDRGEA) do Campus Castanhal do IFPA, a partir da ampliação da formação profissional de recursos humanos, da fixação de pesquisadores de alto nível e da ampliação da produção científica e tecnológica com impacto regional, através de ações alicerçadas na cooperação com instituições de ensino superior e/ou pesquisa (IES/P) nacional e internacional e setores produtivos, contribuindo para equilíbrio regional da pós-graduação e desenvolvimento sustentável da Amazônia Legal.

Cada proposta contará com um investimento total de até R$627 mil, sendo R$200 mil em recursos de custeio e quatro de pós-doutorado, por um ano. O resultado final está previsto para ser divulgado ainda em setembro e a implementação dos projetos deve começar a partir de outubro deste ano.

Maiores informações: https://www.capes.gov.br/36-noticias/10536-capes-divulga-selecionados-para-amazonia-legal

registrado em:
Fim do conteúdo da página
-->